Cada vez mais a concorrência por cargos públicos têm alterado a forma como estudar para concursos. E em meio à multidão de candidatos, é diferencial aprender como estudar de forma eficiente antes de se tornar realmente competitivo.

Para quem fala que ter desempenho alto em concursos, vestibulares e ENEM é um privilégio apenas daqueles que possuem muito tempo disponível para estudar, não sabem o potencial de superação que tem.

Pois o estudante quando disciplinado pelos métodos corretos, pode ao mesmo tempo trabalhar e estudar para concursos, aprender rápido e com eficiência até superior a muitos com disponibilidade de tempo.

No decorrer dessa leitura apresentaremos como a preparação para concursos feita em uma rotina de estudos eficiente, pode fazer o desempenho dar um salto de qualidade para enfrentar qualquer prova.

É possível aprender como estudar para concurso em pouco tempo e ser supercompetitivo. Pois a qualidade do estudo não está na quantidade de tempo gasto nele, mas sim nas ações tomadas dentro do tempo disponível.

Até o final desse artigo nós aprenderemos:

  • Como administrar melhor seu tempo ao estudar
  • O que fazer para organizar sua rotina de estudos.
  • A disciplina necessária ao estudar para concursos.
  • O diferencial do foco e concentração no aprendizado.
  • A importância de um plano de estudos e o ciclo de estudos.
  • Como estudar com eficiência (cientificamente comprovado).

Boa leitura e bons estudos!

 

O Que Fazer Para Administrar Seu Tempo Nos Estudos

garoto com mochila preparando para a largada nos estudos

Ser aprovado em concursos requer uma rotina que muitas pessoas não conseguem acompanhar. Simplesmente porque o tempo disponível é inferior aquele necessário para se dedicar e estudar de forma eficiente.

Todo o teste de concurso exige aprender o conteúdo, memorizar o que é importante e principalmente o treino, pois essa é uma forma de ganhar performance de tempo para responder as questões do gabarito no prazo.

E caso você se questione: “Quantas horas por dia devo estudar para concurso?”

Tenho uma resposta um pouco diferente para isso, que é:

“O tempo necessário para estudar deve ser suficiente para memorizar o aprendizado. Pois esse tempo não foi gasto, foi tempo ganho!”

Então a melhor coisa a fazer é apenas administrar o seu tempo para aprender adequadamente algo novo todos os dias. Pois isso traz consistência e aproveita tempo com qualidade em vez de quantidade.

Sei que você deseja aprender como estudar muito em pouco tempo. E realmente é possível através do aprendizado acelerado, mas antes, é preciso encontrar espaço de tempo na sua rotina.

Isso envolve se abdicar de certas coisas em detrimento de tempo para realizar outras. E lembre-se, cada escolha que você faz está automaticamente condenando outras.

Reconhecer as prioridades é preciso, então inicie por:

  • Cortar as atividades sem valor para alcançar seu objetivo.
  • Diminuir o tempo gasto em tarefas sem urgência.
  • Encarregar outras pessoas com os afazeres que impactam elas.
  • Aproveitar inteligentemente seu tempo de intervalo e trajetos.
  • Diminuir interrupções externas e não se envolver com distrações.

Corrigindo a forma como você gerencia seu tempo, torna possível organizar uma rotina diária de estudos. Ela que será responsável pelo seu desempenho contar muito mais do que seu tempo disponível.

Leia também → 74 Dicas Sobre Como Aprender Melhor, Mais Rápido E Profundamente

 

Ganhe Tempo Aonde For Possível

Considerando as 24 horas do dia e toda a rotina diária de uma pessoa que quer trabalha e estudar para concursos, sobram basicamente 4 horas livres todo o dia.

É possível estudar muito em pouco tempo e 4 horas é o suficiente para conhecer e exercitar conhecimentos com boa profundidade.

Mas ainda tem como aproveitar outros momentos do dia para tarefas de estudos simples que não exigem muito do seu foco.

Encontre o que melhor se adapta à sua rotina e preencha as lacunas de tempo que encontrar.

No horário de almoço, estude um pouco antes da refeição. Seja dez, quinze minutos, não importa, pode ser o suficiente para solucionar dúvidas que você anotou do dia anterior.

relógio sobre a mesa do gabarito da prova

Caso nesse horário der para fazer algumas questões ou até mesmo revisar algo estudado dia anterior, faça isso!

Planeje a hora para fazer as coisas e simplesmente realize elas, pois será o momento que seu cérebro mais estará preparado para fazer tal atividade.

No trânsito para o trabalho ou na volta para casa, estude, assista videoaulas, leia a constituição ou anote questões importantes cobradas no edital.

Não desperdice esse tempo. E caso você dirija, ouça legislações em áudios por exemplo.

As vezes utilizar esse tempo vago para fazer outras tarefas que não requerem sua concentração pode ser mais proveito. Então solucione elas para ganhar mais tempo na hora de estudar para concursos.

Dicas Para Otimizar Seu Tempo Ao Estudar

Algumas “táticas de guerra” podem ser muito proveitosas e contribuem para estudar para concurso no pouco tempo disponível. E essas daqui devem ser consideradas na sua organização.

  • Estipule Tempo De Estudos Relativo Ao Peso Das Matérias

Algumas matérias são especialmente mais difíceis do que outras, além de terem pesos diferentes na avaliação do concurso. Logo, é importante saber aonde colocar seus esforços e tempo com prioridade.

Então encontre no edital do concurso qual o peso de cada matéria, quantos pontos vale cada questão e a quantidade delas no teste. Depois calcule o tempo ideal para estudar cada matéria conforme o peso delas na prova.

  • Divida Os Estudos Em Pequenas Porções de Tempo

Certas matérias são extensas e custam horas de estudos para serem compreendidas por inteiro. Esse tipo de estudo requer estratégia para ser digerido e racionalizar o tempo pode ser uma solução para isso também.

Crie uma janela de tempo para estudar cada matéria. Dentro de cada janela, dívida conhecimentos grandes em pequenos tópicos, depois os conheça, um por vez, e só os exercite em outra janela de tempo.

  • Junte Métricas de Desempenho

Para otimizar seu tempo nos estudos, busque sempre ter uma métrica de desempenho como uma pontuação ou contagem de tempo para a resolução de cada questionário.

Fazendo isso você tem melhor percepção daquilo que precisa aprimorar e como estuda com eficiência. Basta sempre se avaliar e comparar suas métricas de performance, velocidade de resposta e anotar o que precisa melhorar.

 

Organize Uma Rotina De Estudos Eficiente

homem olhando para o relogio com livro sob a cabeça

Criar uma rotina adequada requer poder cumprir o roteiro de estudos do concurseiro também. A rotina diária consome tempo e recursos mentais que podem esgotar o candidato logo a princípio caso ela seja mal administrada.

E dessa forma, nenhum plano de estudos para concursos do seu roteiro poderá ser cumprido até o fim.

“A rotina e o roteiro são coisas diferentes e você precisa das duas coisas, alias, precisa colocar seu roteiro de estudos na sua rotina diária para que seus estudos evoluam com o tempo.”

Assim como estudar para concurso em pouco tempo requer diferenciar ganho de perda de tempo, é necessário também utilizar o tempo da forma correta ao escolher a ordem em que tudo deve acontecer no dia a dia.

Isso envolve ter tempo de lazer, para dormir, alimentar-se e cumprir tudo sem estresse. Essa é a única forma saudável de como estudar para concurso com eficiência e de maneira duradoura.

“É questão de perspectiva futura ter um bom roteiro para seguir. É por ele que podemos prever o futuro, pois é a única forma de planejá-lo”

No entanto, não é nada bom ficar bitolado com os estudos e negligenciar outras coisas que são questões de saúde. Fazer isso nunca resultaria em como estudar com eficiência.

Ter uma rotina de estudos diário requer atender todas as necessidades pessoais citadas. Elas colaboram com uma química cerebral saudável para aprender, memorizar e ter desempenho em qualquer atividade da vida.

Então considere ter uma agenda ou um alarme para administrar a sua rotina de estudos.

Leia também → Como Se Organizar Para Estudar e Planejar Seu Aprendizado

 

O Que Não Pode Faltar Na Rotina do Concurseiro

No começo de uma sabatina de estudos para concursos é sempre difícil fazer mudanças de rotina, mas quando o concurseiro começa a se engajar intelectualmente, ele pode se empolgar demais e colocar tudo a perder.

Então preste atenção para não ficar bitolado e gastar sua energia toda de uma vez. Preste atenção nessas necessidades que não podem faltar na sua rotina de estudos para concorrer em concursos.

  • Transformar Os Estudos Em Lazer

Para um ótimo desempenho e atividade cerebral, devemos ter doses de prazer e satisfação diariamente. É uma necessidade primordial para o cérebro estar saudável!

Pode parecer um problema para quem precisa trabalhar e estudar para concursos, mas é possível aprender como ter prazer nos estudos sem precisar recorrer a outras atividades.

  • Como Lidar Com O Descanso

Você também precisa estipular regras de rotina para suas horas de descanso. E isso inclui pequenas pausas de 5 a 10 minutos durante os estudos, já que o nosso foco só funciona por cerca de 40 minutos consecutivos.

E durma bem, principalmente aquele sono pesado e noturno, pois é ele que consolida nossas memórias, já que o nosso hipocampo mais trabalha nesse período.

Aliás, uma boa soneca de 20 minutos é recomendada após o almoço. Mas não julgue isso uma perda de tempo ok!

  • Quando Começa e Quando Termina

No início do dia é o momento que nossa energia e força de vontade está em alta. E está comprovado que nosso autocontrole é esgotável na mente, isso envolve concentração, atenção e outros recursos importantes na performance.

Por isso, ao estudar, comece sempre pela matéria difíceis que mais custam tempo para você. Deixe só para o final as tarefas de revisão, questionários e pesquisa, pois assim, você tem uma forma como estudar e aprender mais fácil.

 

Estude e Aprenda Mais Em Menos Tempo

garoto com olhar focado na competição

Mais importante do que definir a rotina de estudos é conseguir se disciplinar para segui-la com consistência. Essa habilidade, progride muito mais rápido a curva de aprendizagem, fazendo você estudar muito mais em menos tempo.

A melhor forma como estudar para concurso mantendo disciplina é criando um método pessoal sob medida. Ele requer criar regras, penitências e recompensas para você prender-se no método e cumprir toda a sua rotina.

“Para ter autodisciplina você precisa tornar-se rigoroso com as regras, maleável nas exigências e ponderado na recompensa.”

Alias, isso pode tornar você mais chato do que seu chefe ou professor nas exigências ou uma verdadeira mãe nas recompensas. Então tenha um bom termômetro para saber se está fora dos limites.

Para isso, utilize o sistema de métricas comentado anteriormente para administrar o seu tempo, pois ele pode funcionar para ponderar você também.

Caso tenha conseguido uma pontuação baixa em algum exercício já treinado, pague a penitência de criar outro exercício de resposta dissertativa sobre ele por exemplo.

Mas caso tenha melhorado em algo que você escolheu aperfeiçoar, crie uma recompensa agradável como uma pausa mais longa de intervalo para assistir algo ou comer um chocolate.

Dessa forma sua mente se condiciona ao ganho de desempenho sobre a tarefa em questão e você gera motivação para estudar para concurso dentro desse processo.

Então utilize esse método com o que está no seu roteiro de estudos, essa é uma das melhores formas como estudar para concurso aproveitando seu tempo e tudo o que foi planejado por você.

Lembre-se de traçar metas alcançáveis, pois cumpri-las lhe trará motivação, dia após dia. Seja ponderado nas exigências para não criar um efeito psicológico reverso que lhe deixe frustrado, apenas leve tudo na esportiva ok!

Leia também → Como Ser Mais Disciplinado Construindo Sua Própria Autodisciplina

 

Foque Ao Estudar Para Concursos

garota organizada com material de estudos na mesa

É muito comum as pessoas que estudam em casa chegarem do trabalho cansadas e sem energia para acompanharem a rotina de estudos.

Isso é desanimador para muitos e também considerado um desperdício estudar nessas condições para outros. Mas ainda assim as pessoas estudam, e o melhor, passam no concurso publico em primeiro lugar muitas vezes!

Como elas conseguiram essa façanha? Da onde retiraram tanta energia?

“O foco está no mundo dos significados dentro da mente, envolve a entrega pessoal ao pensamento, sentimento e ao momento. O foco é um estado mental mantido sobre os objetivos ao mesmo tempo que se retira dos impedimentos.”

Claro que o foco é a maior arma da mente quando o assunto é desempenho pessoal. E aprender como estudar para concurso em pouco tempo exige em contrapartida bastante desse foco.

A solução está em preparar um cenário para que a sua concentração seja uma facilitadora do foco e ele seja bem aproveitado no pouco tempo de estudos disponível.

Algumas medidas para sustentar o foco envolvem:

  • Ter um local de estudos pouco poluído visualmente.
  • Deixar o material de estudos preparado com antecedência.
  • Resolver todas as tarefas para não sofrer interrupções.
  • Meditar um pouco antes para aliviar estresse e tensões.
  • Olhar seu plano de estudos e seguir seu roteiro (trataremos disso aqui).

Isso pode parecer óbvio, mas se você tem pouco tempo, essa organização para ter a concentração correta faz toda diferença. Principalmente porque certas tarefas triviais nos induzem a agir no automático.

É o que muitos fazem ao ver uma louça na pia para lavar por exemplo.

O tempo é o recurso mais escasso, portanto, otimize o uso dele e aproveite seu alto foco e concentração!

Leia também → Como Obter Foco nos Objetivos de Vida Com Maior Resiliência

 

Como Fazer Um Plano De Estudos Para Concurso

estudante segurando um espiral de código DNAVocê está querendo aprender como estudar para concurso público e não sabe por onde começar, ou já iniciou os preparativos, mas sente que não está fluindo?

Com as dicas dadas aqui, você já tem uma direção para utilizar o seu tempo de estudo com eficiência. Mas depois de ganhar tempo, definir a rotina de estudos, ter métodos e conseguir focar tudo melhor, é preciso um plano de estudos adequado.

No livro Como Estudar Para Concursos, Alexandre Meirelles apresenta o método de plano de estudos que julgo ser o mais efetivo quando o assunto é estudar para concurso público, o denominado Ciclo de Estudos.

De maneira sucinta, o plano de estudos consiste basicamente em um cronograma de estudos no qual é definida a sequência de matérias a serem estudadas com base no edital anterior.

As principais características do ciclo de estudos são:

  • Estudar várias disciplinas por dia, dando o mesmo foco e concentração a todas elas.
  • Organiza o estudo das matérias mais complicadas e de difícil absorção estrategicamente.
  • Tornar o processo de estudos para concursos dinâmico, utilizando do tempo para alterar tarefas.
  • Engajar o cérebro a sai da zona de conforto, gerar disciplina, força de vontade e se estimular.
  • A rotina diária não é adaptada ao ciclo de estudos, mas sim o inverso. O ciclo de estudos que deve ser adaptado a pessoa.

Para mim a última em especial é a principal característica que torna esse método ideal para ensinar como estudar para concurso em pouco tempo e poder competir por cargos públicos.

Pois o ciclo de estudos é que se adapta a rotina da pessoa, para tornar o estudo mais flexível e viável àqueles que possuem uma rotina diária muito atarefada.

Portanto, existe um método para criar seu próprio roteiro de estudos adaptado às próprias condições pessoais.

 

Como Funciona o Plano de Estudos

Primeiro é realizado um levantamento de todas as atividades diárias e prioridades da semana. Posteriormente, são verificadas quantas horas efetivamente é possível estudar por dia.

Também são considerados os momentos de estudos não previstos na rotina diária, como por exemplo: ao aguardar uma consulta, na fila de um banco, no horário de almoço ou aguardando alguém.

Segundo, é determinado o quantitativo de horas ou minutos para estudar cada disciplina de acordo com o peso que cada uma requer.

Para isso é considerado o grau de dificuldade, percentual de questões possíveis de cair na prova e volume de conteúdo a ser estudado entre outros aspectos.

técnico apresentando tatica desenhada em pranchetaCaso a matéria seja extensa, complexa e valer muitos pontos, logo, ela precisa ter maior tempo de dedicação quando você montar o seu plano de estudos.

Para quem está começando agora a estudar para concurso, Alexandre Meirelles recomenda utilizar um ciclo mais extenso, com maior duração para cada matéria, reduzindo o número de disciplinas.

É recomendado que se inicie pelas matérias básicas que os cargos públicos exigem como:

  • Português
  • Informática
  • Raciocínio lógico
  • Direito constitucional
  • Direito administrativo

Como você pode perceber, aqui nesse artigo abordamos muitas dessas dicas mostrando como estudar para concursos de forma rápida.

Mas ainda assim aconselho que pesquise a fundo o método e aplique o quanto antes em sua preparação. Ele será um adianto para você criar a rotina de estudos ideal para você.

Essa e outras técnicas são utilizadas para acelerar o aprendizado e otimizar seu tempo, tornando você ainda mais competitivo, mesmo com poucas horas disponíveis para se dedicar aos estudos.

 

Como Estudar de Forma Eficiente

Há diversas maneiras diferentes de como estudar para concurso, no entanto, nem todas são tão eficazes. Algumas podem se tornar armadilhas para quem tem pouco tempo disponível para se dedicar nos estudos.

Mas parece existir um consenso entre todos os pedagogos. Escrever a próprio punho como forma de estudar é uma técnica realmente avançada para absorver conhecimentos.

Veja o que tem a dizer o Professor Pierluigi a respeito disso no vídeo abaixo:

Como Estudar Para Concurso Só Escrevendo – Professor Pierluigi

Um estudo publicado pela Psychological Science in the Public Interest, revelou a eficiência de algumas formas de estudar para o aprendizado que são mais comuns entre os concurseiros e vestibulandos.

O estudo analisou 10 maneiras que prometiam como estudar de forma eficiente, mas que ao final, acabaram dívidas em categorias de efetividade. É bom conhecer elas caso queira melhor desempenho, vejamos.

Leia também → Como Estudar Melhor e Aprender de Forma Mais Eficiente

 

Técnicas Pouco Eficientes

1. Grifar o Texto

Marcar partes do material que são consideradas importantes não foi considerado por esse estudo como uma técnica de aprendizado muito efetiva.

Por outro lado, grifar textos momentos antes de resumos com mapas mentais, pode ser um auxiliar provisório de organização.

2. Fazer Releitura

Segundo a pesquisa, essa técnica só é eficaz quando o leitor retornar ao texto seguidamente por diversas vezes. O que acarreta uma perda excessiva de tempo de estudo para um concurseiro por exemplo.

3. Mnemônicos

Siglas ou palavras-chaves são boas técnicas para lembrar, porém, deixam a desejar em outros casos. Como técnica de aprendizado, a memorização foi considerada de baixa eficácia pois ela não traz conhecimento, apenas faz decorar as coisas.

Aprender como estudar de forma eficiente não requer decorar e sim aprender, no entanto, os mnemônicos têm sim sua importância para os estudos. Principalmente quando utilizados como facilitadores, que obviamente podem fazer você lembrar tudo o que aprendeu rapidamente.

4. Visualização das imagens

Os pesquisadores pediram que os alunos associassem o que estava sendo lido com uma figura imaginada na própria mente. Observou-se que esta técnica funciona para resumir textos, mas não para conhecimentos muito complexos.

5. Resumos

O estudo demonstrou que os resumos são bons para provas escritas, mas não para provas objetivas.

Isso não invalida por completo esta técnica. Apenas demonstra que escrever o que está sendo estudado não fornece aprendizado significativo para a hora de aplicar o conhecimento.

 

Técnicas Moderadamente Eficientes

6. Interrogação elaborativa

Essa técnica se baseia na ideia de questionar e explicar por que determinada parte do texto é verdadeira ou falsa.

A técnica requer um esforço ainda maior do cérebro e consequentemente de tempo do estudante, mas que não necessariamente reflete em eficiência do aprendizado.

7. Autoexplicação

Quando utilizada, essa técnica pode ser considerada moderadamente eficiente ao estudar, e consiste em explicar com as suas próprias palavras o conteúdo que está sendo abordado.

Perceba que a técnica pode ser feita através de resumos, que segundo o estudo, são consideradas pouco efetivas. Isso prova que a forma como estudar para concurso utilizando autoexplicação depende do contexto em que ela é utilizada.

8. Estudo intercalado

Os pesquisadores mostram que intercalar as matérias a serem estudadas é uma forma moderadamente eficiente, pois tem como principal benefício manter o estudante por mais tempo concentrado e focado no estudo e não garantir o aprendizado propriamente dito.

 

Técnicas Muito Eficientes

9. Testes práticos

A pesquisa comprovou que testar o que está sendo estudado é uma das melhores formas de aprendizado.

Para o mundo dos concursos e vestibulares, responder simulados e questões de provas anteriores são ações que realmente funcionam e precisam ser consideradas.

10. Prática distribuída

Foi comprovado que estudar em horas diferentes do dia pode tornar os seus estudos mais efetivo. Nem sempre isso é possível, é claro, mas se for, intercalar entre horas pela manhã, tarde e noite é o ideal.

 

Conclusão

lapis escrevendo no gabarito da prova de concurso

Claro que essa pesquisa tem respaldo científico e foi aplicada em estudantes na prática. Todavia, lembre-se que são diversas técnicas que podem ser adotadas para quem deseja estudar para concursos, vestibulares e ENEM.

Por isso É recomendo que encontre as que melhor se adaptam ao seu modo de estudar.

O melhor a fazer é experimentar e dar a chance ao seu cérebro e ao seu corpo sentirem o que é mais efetivo para você. Cada pessoa tem uma rotina diferente, um ritmo de estudos diferente e um modo de absorver, memorizar e aplicar o conteúdo estudado.

Portanto, veja o que melhor se adéqua às suas necessidades e aplique as técnicas que foram mais efetivas com você.

Conheça os Reais Caminhos do Autodesenvolvimento

Ganhe um E-book Grátis e receba nossa serie de desenvolvimento pessoal para você superar os seus limites
Entre para a nossa LISTA VIP