Inscreva-se na nossa LISTA VIP

E Ganhe Nosso E-Book
GRÁTIS !

🔒  Somos contra SPAM

Com tanta coisa acontecendo na vida, é difícil lembrar-se de detalhes particular como nomes, datas de vencimentos das contas e locais que escapam da mente as vezes. Mas os truques de memorização descritos neste artigo devem garantir que você nunca mais esqueça coisas importantes.

Ele foi escrito pelo Leon Ho, um praticante de mnemonia e CEO da Lifehack que nos dá uma colaboração importante para lembrar de muitas coisas com mais facilidade.

Vamos então ao texto traduzido de Leon a seguir:

 

Qual a Motivação Dessa Lista de Truques Para A Memória?

Eu costumava ter um problema em lembrar nomes e rostos.

Veja bem, eu conheço novas pessoas de todo o mundo todos os dias e são muitos nomes e rostos novos para minha mente registrar.

E eu vou lhe contar algo: É muito embaraçoso tomar café com alguém e não reconhecê-lo no dia seguinte.

O problema é que o esquecimento é uma ação tão passiva que muitas vezes você não tem controle sobre ela.

Deixe-me explicar melhor…

“Quando você se esquece de algo, não está realizando essa ação ativamente. Ela simplesmente … acontece, e isso complica uma forma de inibir o esquecimento das coisas.”

O que quero dizer é o seguinte. Como você pode parar de fazer algo que realmente não está fazendo?

Então, eu apenas aceitei que é assim que funciona e eu vou ter que conviver com isso.

Mas depois de vários encontros embaraçosos mais tarde, criei uma lista de dicas de memorização que funcionaram como mágica para mim.

Eu os usei para superar meu problema de lembrar das pessoas e seus nomes, o que me ajudou imensamente a melhorar a comunicação e colaboração dentro e fora da minha empresa.

Agora, antes de mergulharmos nos truques de memorização que eu queria discutir com você, primeiro vamos dar uma olhada em como e por que esquecemos.

Leia também → Memória e Lembranças: Respostas às Perguntas Comuns Que Nos Confundem

 

A Ciência Do Esquecimento

Em 1885, Hermann Ebbinghaus apresentou sua teoria que delineou a “Curva do Esquecimento”.

Essa curva mostra quanta informação retemos após um certo período de tempo desde que a memorizamos inicialmente.

Você pode estar um pouco preocupado com a validade dessa teoria, já que foi apresentada inicialmente no século XIX. Mas em uma reanálise de 2015, os cientistas descobriram que a Curva de Esquecimento da Ebbinghaus era completamente precisa.

De maneira fascinante, a Curva do Esquecimento mostra que, após um dia memorizando algo, lembramos cerca de 30% dela dia seguinte.

Antes de abordarmos os truques de memorização deste artigo, primeiro gostaria de explicar por que você se esquece. Pois conhecer a causa raiz do esquecimento o ajudará a aplicar as informações que você busca.

Quando você aprende algo inicialmente, sua mente o transfere para uma hipotética câmara de armazenamento chamada memória de curto prazo.

Seu cérebro não sabe qual informação é importante e qual precisa ser descartada no momento que você as obtêm.

Portanto, seu cérebro espera um sinal que o ajude a reconhecer informações importantes que podem ser transferidas para uma outra hipotética câmara de armazenamento chamada de memória de longo prazo.

Um dos mais óbvios desses sinais é a repetição. Conforme mostrado na figura do esquecimento abaixo, a repetição pode alterar sua memorização dentro da curva do esquecimento.

Gráfico da Curva de Reversão do Esquecimento Segundo EbbinghausTodos os truques e dicas de memorização deste artigo giram em torno de sinalizar a importância das memórias para sua mente, para que assim ela possa mover essas informações da câmara de memória de curto prazo para a de longo prazo.

Leia Também → Memória Humana: Como As Criamos, Lembramos e Esquecemos?

 

15 Truques De Memorização Que Funcionam

Chega de ciência; vamos para a finalidade verdadeira deste artigo. Aqui estão 15 truques de memorização que funcionam:

 

1. Repita 3 vezes

Este é uma das técnicas de memorização mais simples de aprendizado que eu tenho usado e parece produzir ótimos resultados.

Crie o hábito de dizer algo três vezes assim que ouvir. Isso o ajudará a reter essas informações por mais tempo em seu cérebro.

No meu caso, quando alguém me dizia seu nome, eu dizia três vezes em voz baixa. Isso sinalizava ao meu cérebro que essa informação é importante e que eu gostaria de lembrar dela.

2. Vincule A Uma Memória De Longo Prazo Estabelecida

E se você já tiver algo em sua memória de longo prazo ao qual possa vincular uma nova informação?

Imagine só:

Existe uma informação que reside nas profundidades da sua memória de longo prazo. Após absorver uma nova memória, basta colar ela na memória antiga.

O que você acha que acontece fazendo isso?

Obviamente a nova memória ficará melhor por causa da memória semântica à qual você acabou de vincular.

Por exemplo, as pessoas definem seus códigos PIN de quatro dígitos para as datas de nascimento (ou dos cônjuges) o tempo todo. É mais fácil lembrar porque eles têm um vínculo já estabelecido em sua mente que provavelmente nunca vai se quebrar.

3. Digite Sempre

Escrever algo é um truque comum de memorização que funciona para muitos.

O problema disso?

Você quase nunca tem uma caneta e um papel à mão quando precisa deles.

Então decidi aqui ir a uma pratica pouco convencional e usar a tecnologia em meu proveito.

Comecei a digitar anotações nas minhas listas de telefones que revisitava antes de dormir.

Muitas vezes, percebi que eu nem precisaria revisar as minhas anotações pois o simples ato de ter as digitado, me ajudava a reter essas memórias.

Mas caso digitar não te ajude, reler tudo à noite certamente ajudará.

4. Repetição Espaçada

Como mencionado anteriormente, estudos adicionais sobre a Curva de Esquecimento de Ebbinghaus mostraram que é melhor revisar uma informação após certo período de tempo, pois isso ajuda a sua mente a reter tudo melhor.

Agora, o que muitas pessoas fazem é tentar repetir ou revisar uma memória assim que a obtêm.

Mas pesquisas mostram que é inútil adotar essa estratégia.

O objetivo não é evitar esquecer essa memória; é esquecê-la para que você possa reaprender e solidificar suas raízes no cérebro.

A mesma pesquisa sugeriu 4 repetições; cerca de 20 minutos, 50 minutos, 9 horas e 5 dias após memorizar algo.

Mas pode não ser prático revisitar as coisas dessa maneira. Portanto, basta apenas revisar uma memória importante 24 a 36 horas após a aprendizagem inicial, assim você deverá reter 90% acima das taxas de retenção.

5. Compreenda A Ideia Central

Igual foi na faculdade, a aprendizagem mecânica nunca funcionou para mim.

Não importava quantas vezes eu repetisse uma frase e tentasse aprendê-la de cor, eu ainda assim a esquecia completamente no dia seguinte.

Então, eu tentei memorizar o conceito, nunca mais as palavras.

Isso funcionou muito bem na minha memorização para estudos e ainda funciona bem quando estou tentando entender as mecânicas da empresa ou de um negócio.

6. Prática Intercalada

Caso você misture estudos diferentes, verá melhores resultados de memorização.

A maioria das pessoas, quando tenta memorizar ou aprender alguma coisa, continua trabalhando sobre ela até que tudo esteja completo ou perfeito.

Pois não faz muito sentido você abandonar uma tarefa de memorização no meio, certo?

Errado!

Pesquisas mostram que, caso você aprenda duas coisas diferentes ao mesmo tempo, as aprenderá melhor. Isso é chamado de prática intercalada.

Agora, essas são as razões pelas quais a prática intercalada mostra resultados espetaculares:

As memórias semelhantes se misturam no cérebro.

A prática intercalada torna mais difícil recuperar uma memória.

E finalmente, quanto mais difícil for a sessão de treinos, melhores serão os seus resultados!

7. Conte Histórias

Sem dúvida, contar histórias é uma das habilidades mais poderosas que se pode dominar na comunicação.

E a razão é simples:

Histórias nos cativam mais do que tudo. Pois elas simplesmente se tornam mais memoráveis.

Observe todas as formas de entretenimento que temos atualmente e você verá histórias em cada uma delas; filmes, músicas, videoclipes, videogames, vlogs… e a lista continua.

O motivo é simples:

Nosso cérebro é obcecado por histórias. Elas tem começo, meio e fim e se somam ao cérebro como um conhecimento completo.

Portanto, da próxima vez que tentar memorizar algo, tente criar uma historinha em sua cabeça e que o ajude a se lembrar.

8. Grave Seu Áudio

Aqui está outro truque fantástico de memorização que utiliza muito da tecnologia.

Quando você estiver tentando memorizar algo, apenas grave a sua voz no telefone e ouça repetidamente mais tarde.

Você não precisa fazer isso por muito tempo. De fato, cerca de 15 a 20 minutos de audição devem ser mais do que suficientes.

Isso é especialmente útil para os alunos auditivos.

9. Criar Peças

E se eu disser para você memorizar esse número em 20 segundos:

583957304

Tenho certeza que isso soa como uma tarefa assustadora.

Mas e quanto a:

583-957-304

Assim parece mais fácil, embora ambos os números sejam essencialmente os mesmos. A única diferença nos dois é que o segundo tem dois traços.

O traços em si não são significativos. O significativo é o fato de que os traços dividem o número em 3 partes menores.

Quando você quebra o número, fica mais fácil lembrar. Seu cérebro pode então se concentrar em partes individuais e consolidá-las no final.

De fato, esse truque de memorização é basicamente uma configuração para enganar sua mente a pensar que a tarefa é mais fácil do que realmente é.

Portanto, da próxima vez que estiver aprendendo algo extenso, crie partes e concentre-se em cada uma delas individualmente.

10. Foco Em Palavras-Chave

Eu gosto de usar esse método em conjunto com o truque numero 5 mostrado aqui para compreender a ideia central.

Veja bem, existem algumas coisas que exigem ser aprendidas palavra por palavra. E caso você não seja bom nisso, aprender palavras-chave será sempre a sua última opção.

É provável que você já tenha utilizado essa técnica ao fazer uma lista de compras de vários itens de mantimentos.

Tudo o que você precisa fazer é memorizar palavras-chave como “6 ovos”, mas nunca frases como “compre meia dúzia de ovos”, porque o restante das palavras não contribui com nada (ou muito pouco) para o objetivo final da memorização.

11. Diga Em Voz Alta

Aqui está outro truque de aprendizado para os alunos auditivos:

Diga suas palavras em voz alta. Isso envolve as palavras chaves ou as ideias centrais já comentadas aqui.

Acredito firmemente que, quanto mais obtivemos estímulos das nossas memórias sensoriais enquanto aprendemos, melhor tudo será aprendido.

Isso significa que ler sozinho (usando apenas seu senso visual) não é tão eficaz quanto falar as palavras enquanto você as lê ou escreve junto, pois estimula também seu sentido de audição.

Idealmente, é desejável você usar essa técnica com a escrita ou digitação. Pois você utiliza também um pouco do seu tato e processos mais fiscos no processo.

12. Reter Enquanto Dorme

Você sabia que dormir pode ajudar a melhorar sua memória?

Bem, pesquisadores de Matthew P. Walker e Robert Stickgold certamente pensam assim.

Em sua pesquisa, “Sono, Memória e Plasticidade”, eles afirmam que o sono tem um papel importante na “consolidação da memória” e na “reconsolidação da memória”.

Outra pesquisa publicada na Current Opinion in Neurology mostra que, “O sono é importante para o aprendizado ideal”.

Por essa lógica, memorizar antes de dormir é uma boa maneira de fortalecer a memória. Enquanto você dorme, o hipocampo está mais ativo e trabalha na consolidação e reconsolidação dessa memória.

Além disso, é importante dormir bem para melhorar a performance do seu cérebro em geral. Certamente você já sabia disso.

13. Desafie-se

A maioria das pessoas pensa que memorizar é apenas sobre leitura e fala. E é em parte por isso que elas não são particularmente boas em memorizar.

Na maioria das vezes, estamos tentando memorizar algo o dia todo, mas quando chega a hora certa, nossa memória falha miseravelmente.

Uma boa maneira de vencer a dificuldade de memorização é testar a si mesmo no meio do caminho. Isso envolve o simples fato de lembrar alguma vez percebe?

Desafie-se no meio do dia para lembrar o que você está tentando aprender momentos antes. Isso é um exercício que melhora a memória de verdade pois te faz memorizar por inferência.

Não precisa necessariamente estar em um ambiente de aprendizado para isso. Na verdade, você pode tentar se lembrar enquanto está no elevador, almoçando ou caminhando para o seu escritório mesmo.

14. Mnemônicos

As técnicas mnemônicas há muito tempo ensinam como colocar listas inteiras de palavras em ordem. Essa é uma das razões pelas quais eles resistem ao teste do tempo, pois eles funcionam de verdade!

Em um desses métodos, você pode listar a primeira letra de cada palavra e tenta criar uma frase a partir delas e que possam ser memorizadas.

Um exemplo comum é o mnemônico “Vermelho LA VAI Violeta” usado para memorizar as cores do arco-íris

  • Vermelho.
  • Laranja.
  • Amarelo.
  • Verde.
  • Azul.
  • Índigo.
  • Violeta.

Embora pesquisas recentes sobre técnicas eficazes de aprendizagem classifiquem a mnemônica como um método de aprendizado de baixa utilidade, a única razão para isso é que a mnemônica não possui uma ampla variedade de aplicações no aprendizado geral. Ela não serve para aprender, apenas para memorizar mesmo.

No entanto, eles funcionam como mágica se você estiver tentando aprender como memorizar textos rápido, uma língua estrangeira nova ou aumentar o seu vocabulário.

15. Use Um Aplicativo De Lista De Tarefas

O último truque de memorização da nossa lista é usar aplicativos de organização pessoal como o Trello ou qualquer outro como o Google Agenda por exemplo.

Podem ser aplicativos gratuitos mesmo e já está de bom tamanho.

Muitos desses aplicativos vêm com a funcionalidade adicionais de exibir suas anotações na tela inicial do telefone.

Muitas outras pessoas recebem uma notificação da anotação durante 24 horas por dia, 7 dias por semana no seu telefone.

Ao digitar o que deseja memorizar nessa nota, você poderá ler novamente sempre que for usar o telefone.

E caso você seja uma pessoa que utiliza comumente o telefone, esse truque de memorização deverá lhe dar a oportunidade de revisar suas anotações várias vezes durante o dia.

Caso você seja uma pessoa que se esquece facilmente de tudo, comece a colocar em prática algum desses truques de memorização. Eles mudaram a minha vida e também podem mudar a sua!

Conheça os Reais Caminhos do Autodesenvolvimento

Ganhe um E-book Grátis e receba nossa serie de desenvolvimento pessoal para você superar os seus limites
Entre para a nossa LISTA VIP